segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Resenha: P.S Eu Te Amo

 
P.S Eu Te Amo


Título: P.S. Eu te amo
Subtítulo: Existem amores que duram mais que uma vida
Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito 
Ano: 2012 
Páginas: 368

Sinopse:
 Gerry e Holly eram namorados de infância e ficariam juntos para sempre, até que o inimaginável acontece e Gerry morre, deixando-a devastada. Conforme seu aniversário de 30 anos se aproxima, Holly descobre um pacote de cartas nas quais Gerry, gentilmente, a guia em sua nova vida sem ele. Com ajuda de seus amigos e de sua família barulhenta e carinhosa, Holly consegue rir, chorar, cantar, dançar e ser mais corajosa do que nunca.


Resenha:
  A história gira em torno de Gerry e Holly, eles eram namorados de infância, juravam que iriam se amar e viverem juntos para o resto da vida, mas o inimaginável aconteceu, como nem tudo é para sempre Gerry veio a falecer, decorrido de um tumor cerebral.
    Alguns meses depois Holly descobre que sua mãe está com um pacote de cartas que Gerry escreveu para ela, eles não eram o tipo de casal perfeito que não existe, eles discutiam e as vezes brigavam, mas sempre levavam as coisas numa boa, um dia Gerry havia feito uma brincadeira onde disse que quando morresse deixaria uma lista de coisas para que ela fizesse para nunca esquecer de nada.
    Holly ve nessas cartas uma chance de poder estar mais perto de seu amado, só poderia ler uma carta descrita a cada mês, então ela esperava ansiosamente a cada mes para poder abrir mais uma. Ela com o tempo vai começando reconstruir sua vida, fazem as coisas que Gerry pedia, mesmo as vezes sendo a contra gosto dela. A cada carta de ela abria ela sentia mais perto a presença dele, ele sustentando sua alma e aquecendo seus dias.
    Neste momento Holly irá contar com a ajuda de seus melhores amigos e de sua família, Até poder abrir a última carta no fim de um ano do falecimento de seu amado Gerry.
   Nesse meio tempo Holly irá comemorar seu aniversário de 30 anos, fazer um vídeo, cantar, sorrir e chorar muito, irá arranjar um novo emprego e terá que pensar em um novo amor. Mas isso somente quando a cicatriz aberta em seu peito se fechar.

O livro foi muito triste e muitas vezes nos dava vontade de rir pelas trapalhadas de Holly, mas como já havia visto o filme antes tem como dizer que o filme foi mais bem triste, chorei litros vendo o filme, e como já sabia a história o livro não me deixou muitas expectativas, mas não sem deixar de me emocionar. Amei tanto um quanto o outro, e não foi menos que o esperado.

Encontrar alguém que você ame e que o ama é um sentimento maravilhoso. Mas encontrar a verdadeira alma gêmea é um sentimento ainda melhor. A alma gêmea é alguém que o entende como ninguém mais, o ama como ninguém mais, estará com você para sempre, não importa o que aconteça. Dizem que nada dura eternamente, mas creio firmemente que, para alguns, o amor continua mesmo depois de termos partido. Sei uma coisa ou outra a respeito de ter uma pessoa assim.


3 comentários:

  1. Chorei rios com este livro!
    Curti seu face! Abraço!
    caixinhadadea.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Gabi, tudo bem?

    Tem como não chorar com essa história? É de emocionar demais mesmo!

    Beijos,

    Pah - Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir

A Blogueira

A Blogueira
Sou Gabriela Sumariva, 24 anos, cabeleireira, tenho um sonho de conhecer o mundo, e meu mundo está nos livros, neles eu viajo em toda parte, em todas as galáxias onde nem o homem pode chegar!

Seguidores

Nacional

Nacional

Eu Apoio!

Movimento Literatura Nacional Eu Apoio!

Skoob

Visualizações

Tecnologia do Blogger.

Seguir por e-mail

Promoção

Promoção
Sorteio de Natal Literário

Popular Posts

Banner do Blog


Siga-nos no Facebook